♥ postado em 24, Março de 2014 • sobre: Uncategorized

A gente menospreza a força das emoções. Já parou para pensar nisso? Meu professor de oficina criativa estava passando um trabalho para nós, e pediu para evitarmos falarmos em primeira pessoa, para evitar o chororô na apresentação. Eu pensei, “quem choraria apresentando uma colagem de coisas que te atraem, coisas que você ama? São fotografias, não um abraço”, não é? Bom, me peguei na hipocrisia quando cheguei em uma pasta no meu pc com meus desejos, umas fotos que representam tudo aquilo que eu quero alcançar. E não é que me senti abraçada por todos aqueles sonhos?

Pois é, paguei pau. E isso me fez pensar no efeito dos sentimentos sobre nós. Tantas frases bonitinhas sobre o coração querer uma coisa e a mente outra, mas será que é possível tomar uma decisão unilateral? Se apoiar em um e calar o outro dentro de si? Acho que não.

Eu sou uma pessoa muito emotiva, se gosto, gosto; se não, bem…Choro com a mais suave das dedicatórias e histórias românticas e rio de qualquer piada chinfrin. Eu gosto de ser assim, sensível às belezas da vida, mas não dá para vencer deixando a amiga mente de lado. Ela é quem arruma a confusão dos sentimentos, a organizadora da sua bagunça;, a consciência que se preocupa com as consequências dos nossos atos impensados. Ela é quase a mãe do coração; toma conta dele, pois não quer vê-lo se magoar.

Sempre ouvi minha mãe, ou pelo menos, quase sempre. Todas as vezes que não a ouvi, me dei mal. Então acho que talvez esteja na hora de ser guiada pela razão assim como pela emoção. Uma sem a outra não tem sentido, e o sentido está no balanço entre os seus eus, ou os meus, no meu caso.

Essas duas precisam se conhecer melhor e formarem uma amizade comigo, quem sabe assim não vou ter mais certeza quando agir, e mais satisfação ou ao menos conforto, ao tomar minhas decisões. Quem foi que disse que é fácil? Se fosse fácil, não estaríamos na terra, estaríamos no céu, dormindo em nuvens, vestidas de vestidos brancos, com asas, ouvindo harpas e tomando milkshake (não riam, não que eu pense no céu assim, mas seria bem agradável, hum?).

Quanto à amizade delas, te falo depois no que esse rolo deu!

Xoxo,

Mim Plech.

Deixe o seu comentário!

LAYOUT DESENVOLVIDO POR CHERRY DESIGN • TODOS OS DIREITOS RESERVADOS AO SITE MIMIQUICES | 2016
Scroll To Top Array ( [marginTop] => 100 [pageURL] => [page] => [width] => 292 [height] => 300 [alignment] => left [color_scheme] => light [header] => header [footer] => footer [border] => true [scrollbar] => scrollbar [linkcolor] => #2EA2CC )
Please Fill Out The TW Feeds Slider Configuration First