Arquivo de 'eventos'



Tudo que rolou no primeiro dia da SAN DIEGO COMIC CON #SDCC

Você já ouviu falar na San Diego Comic Con? NÃO? Como assim? É apenas o Superbowl dos geeks…A Copa do Mundo dos viciados em filmes, séries, quadrinhos e tudo desse mundo da cultura pop que eu tenho o prazer de fazer parte.

Os principais filmes, seriados e quadrinhos são lançados lá: Atores, diretores, produtores e até cantores vão promover essas novidades super esperadas. Temos painéis com os fãs, entrevistas divertidas, tapete vermelho divertido, trailers e teasers IMPECÁVEIS e uma boa dose de babados de tudo que rola por lá.

Vamos ver o que rolou no primeiro dia? (mais…)

♥ postado em 26, abril de 2016 • sobre: eventos, it girls, looks da semana, moda
Looks da Semana #roundfashion

Olááá, o blog está passando por umas mudanças mas ainda estamos aqui, hein. E hoje queria trazer pra vocês os melhores looks da semana por aí (e uns não tão melhores assim, mas que me chamaram atenção HAHA). Essa semana passada teve o último fds do Coachella, mas sabendo que os blogs todos estão espalhando fotos do Coachella, pensei em trazer outros eventos, melhor, né?

159A Glamour fez esse evento “Game Changers” e tinham muitas atrizes e modelos por lá, mas uns seis looks chamaram mais a minha atenção, e aqui vão três: O que foi esse rendado da Tika Sumpter? Lindo demais, num ficou? Ela é morena, e o rosa destacou a pele linda dela. Que invejinha, eu fico parecendo que to pelada num rosa desse, o sol não é meu fã. Emily Ratajkowski ficou linda demais com esse vestido azul marinho, e eu ainda não sei se amei ou odiei o vestido da Ellen Pompeo, mas estou algum lugar aí no meio, e vocês? (mais…)

♥ postado em 14, março de 2016 • sobre: eventos, famosos, festival, playlist
Lollapalooza 2016 #musicfestival #foiincrível
Esse final de semana rolou o Lollapalooza, mas eu não vou jogar looks do Lolla por aqui, porque isso vocês vão encontrar em vários blogs por aí. Mas eu queria compartilhar alguns dos artistas que tocaram no evento, tipo uma playlist informativa nessa segunda, que tal? LOL
MARINA AND THE DIAMONDS
Acho que se alguém pode ser considerado a mais esperada do festival, esse papel foi de Marina Diamandis. Essa galesa tem uma legião de fãs mundo a fora, e no Brasil não podia ser diferente. Se você tem um Multishow pra ver ou viu online, você ficou encantado com as cores, cordas vocais, curvas (QUE CORPO, MANA!), e carisma de Marina. Admite, vai. Estamos entre amigos aqui, pode falar.Então vamos ver um pouco mais sobre essa linda?Marina levou muito não, muito “você é estranha”, “seja mais normal”, e muita coisa que uma menina com muita personalidade, brilho, cores e letras fortes costuma ouvir. Mas um dia ouviu sim e isso mudou sua vida pra sempre.
Ela tem quatro cds lançados, e eu adoro a forma como ela assume uma personalidade em cada um deles. A musa 70’s de “Froot”, a diva de “Electra Heart”. Acho que no fundo são todos pedaços de um inteiro, mas quando ela muda de fase, não volta atrás. E adoro isso, uma pessoa que aproveita 100% suas fases, mas cresce, evolui e não volta atrás.

As fases de Marina.

As fases de Marina.

Show do Lollapalooza, você tá babando no abdômen dessa criatura também, ADMITA. Aqui é um safe space, pode dizer.

Gosto de artistas que cantam e se divertem com seu trabalho, com suas letras. Marina sempre pega um tema mais pesado e o faz mais leve ou pega um tema leve, e aprofunda. Em “How To Be a Heartbreaker” ela brinca de partir corações, para lá no final da música admitir que “mulheres tem medo de ter seus corações partidos,” então é melhor brincar que ser “brincada”?

4

FROOT

“Froot” é sua última obra e é completamente VICIANTE. Minha amiga e eu descobrimos que compartilhamos o amor por sua música e volta e meia estamos falando de como essa pessoa furtacor tem letras maravilhosas, é linda e tem músicas incríveis. Pulei mais vendo o show pelo Multishow que em certos shows ao vivo. No comments, nomes não serão ditos.

 “How To Be a Heartbreaker” no Lolla 2016!

HALSEY
“Estranha,” feminista, cabelo azul, atitude, músicas com letras bem forte e clipes malucos e sensacionais. Amigas, lhes apresento Halsey. Uma menina nada convencional que roubou meu coração desde que vi suas letras incríveis rolando pelo Tumblr. 

BTW, tumblr é tipo o melhor site da vida. Desculpa Insta e Snap, nada é tão bom como tumblr, é tipo um reino encantado para pessoas criativas, curiosas, fangirls e fanboys e que gostam de gifs e fotos de we heart it. Pronto, falei. 

Tumblr à parte, Halsey é bem incrível, ela chorou aqui no palco e fez muitos fãs chorar, eu amei o show dela, e suas músicas são mais que uma melodia, sei lá, tem alma. Não to aqui para te dar a biografia dessas pessoas, mas só chamar sua atenção para músicas incríveis que seu iphone-smartphone-mp3 (ainda existe?) deveria estar tocando. 

Vou fazer um post #itgirl pra ela depois porque acho que ela merece, mas ela basicamente jogava as músicas dela na net até o dia que alguém a encontrou e ela virou esse sucesso hoje em dia. Vem aparecendo nas paradas americanas, posando para capas de revistas e você encontra seu cd “Badlands” em todos os cantos. Uma força a ser reconhecida, Miss Halsey. 

7Ela defende o poder da mulher sobre si mesma, discursa a favor da independência que todas merecemos ter e luta pela liberdade de expressão feminina de todas as formas. Halsey é uma feminista e diria que até liberal, com um discurso de ser quem você quiser, sob suas próprias regras e que você se divirta com o que quer que você escolha fazer. Eu sempre vou admirar pessoas assim. Defendeu #FREEKESHA e o sempre se manifesta da forma mais apropriada, já te amo, sua bela estranha.
8 9 10 11Se você viu pela TV ou estava lá, você sabe que o show foi emocionante. Ela chorou, cantou com o coração, e as músicas de Halsey atingem lá, profundamente, né? “Eu sou uma andarilha, eu sou um caso de uma noite só, não pertenço a cidade nenhuma, não pertenço lá embaixo, eu sou a violência da chuva que cai, eu sou um furacão.”
12Se você não tem/baixou/comprou, corre que dá tempo.
Está passando reprise no Multishow o tempo todo, corre e vai ver o show da Halsey, garanto que você vai se apaixonar. Suas músicas são poesias, sua melodia é envolvente e sua voz é veludo, não fica melhor que isso.

Um pedacinho do show, com “New Americana” 🙂

FLORENCE AND THE MACHINE
Okay, deixa eu ser bem honesta e admitir que eu não vi o show de Florence, MAS NÃO FOI POR FALTA DE QUERER, ok? Botei pra gravar aqui na tv, estarei assistindo provavelmente logo após soltar esse post. Mas minhas amigas viram e amaram, sério, minha timeline do twitter SÓ dava Florence. Tem como ser diferente? Ela tá no padrão das “estranhas” que eu adoro. Seja no seu estilo, nas suas músicas, comportamento ou qualquer outro aspecto.

15Florence é uma prova viva de que ter personalidade própria compensa. Não tenho nada contra música pop, não me entenda mal, AMO. Surto na batatinha quando sai uma música da Britney ou de alguma girlband que eu curta, mas tem algo tão adoravelmente diferente nas músicas de Florence + The Machine.

Ouvir uma música da Florence é como andar em uma floresta mágica, descalça, com os pés na terra, vendo fadas e contos de fadas, ou de horror acontecendo ao seu redor. OI? Estou louca? Drogada? Juro que não, mas é assim como eu me sinto.

Tem algo bem mágico nas músicas dela, um quê de mistério que me fascina; e considerando seu sucesso de vendas, o fascínio do mundo da moda com seu estilo (Florence protagonizou várias campanhas importantes e já saiu capa da revista Vogue e muitas outras, várias vezes!), sucesso de turnês e conta bancária, eu não sou a única fascinada com essa fadinha.

Então se tiver a oportunidade, ONLY IF FOR A NIGHT, veja seu show rolando aí pelo Multishow. Te garanto que você não vai se arrepender.

19

Minha fadinha linda <3

Se você disser que não conhece essa música, ou está mentindo ou estava embaixo de uma pedra há uns anos atrás. “Dog Days Are Over” ontem 🙂

Ainda rolaram muitos shows incríveis, mas quis citar essas três pessoinhas porque os outros são bem mais conhecidos, até alguns favoritos meus: Mumfords and Sons, U2, Eminem, Noel Gallagher, Alabama Shakes, Of Monsters and Men e muitas outras atrações incríveis. Quais foram as suas favoritas?

Gostaram do post? Comenta aí, meu povo lindo 🙂

Beijinhos,

Mim Plech.





♥ postado em 01, março de 2016 • sobre: eventos, famosos, looks da semana, moda
Oscars 2016 #afterparties #vanityfair #eltonjohn
Seguindo o tema Oscar 2016, muitas vezes as after parties são mais repletas de looks bapho que o próprio tapete vermelho, destaque especial para o mega evento da Vanity Fair e a festa do Elton John. E esse ano não foi diferente, alguns dos meus looks favoritos da noite passaram pelo tapete da VF, vamos conferir e vocês me falam quais foram os seus favoritos.
As ladies in red arrasaram, umas até demais…cof cof Gwen cof cof Miranda Kerr cof cof, mas Diane Krueger estava simplesmente preciosa em um Reem Acra, sapatos Jimmy Choo e jóias Sylva & Cie. Sério, não deveria ser permitido tanta beleza e glamour a uma pessoa só, fica faltando para outras, mas não vamos citar nomes (faz a chique!). Gwen foi de Yanina Couture, jóias Norman Silverman Diamond e uma clutch Jimmy Choo, enquanto Miranda (sorry, miga, achei demais, mas não demais tipo, miga sua loka, que linda, demais tipo, miga, sua loka, menos…) foi de KaufmanFranco, sapatos Louboutin e jóias Swarowski Atelier. Hailey foi de Atelier Versace e sapatos Stuart Weitzman.

Brie Larson ganhou o Oscar, e estava rindo e achando lindo a vida, mas ainda estamos refletindo seu vestido de veludo, quando chegar a uma conclusão, te digo, miga. Mas ela tirou o Gucci azul e foi de Monse, sapatos Roger Viver e jóias Nawaka.
Ninaaa…Nina Dobrev estava linda, toda barbiezinha glamour impecável, até decidir colocar esse cinto da suzie. Miga, não. Deixa em casa! Tira pra respirar! Faz de pulseira, mas não insiste. Sorry, só sendo honesta…Mas Nina foi de Elie Saab, clutch Amanda Pearl, jóias Anne Sisteron e sapatos Casadei.
Rachel McAdams não anda, desfila, e no tapete da VF, ela desfilou linda e cheirosa em um Naeem Khan com sapatos Stuart Weitzman, tão simples mas tão diva, qual é a bruxaria? Enquanto Hailey Clauson ficou uma fada sexy de Versace.

Não basta ser linda, ter um marido lindo e fofo, tem que ir pro tapete da VF de Zuhair Murad e Manolo Blahnik, jóias Piaget e clutch Roger Viver, certo, Jessica Biel? Ok, anotamos o recado. Priyanka Chopra continuou a operação ser linda e maravilhosa, dessa vez em um Jenny Packham. E pelo jeito, a moça dos olhos de íris diferentes seguiu a dica, e também estava impecável…Kate Bosworth de Ralph & Russo, enquanto Lana del Rey desfilou sua graça de Vivienne Westwood Couture e jóias Bulgari.

As garotas de branco saíram da caixinha e do típico tecido boring e ficaram entre texturizados, acetinados ou bordados, e eu adorei os destaques. Minha favorita entre os brancos tem de ser o macacão glam de Elizabeth Banks, que arrasou um Ralph & Russo com direito a capa e tudo, quase uma super heroína diva, enquanto Liberty Ross, a bela de vestido acetinado, pegou seu vestido de casamento e mudou pequenos detalhes para a ocasião, olha aí o DIY no Oscar, quem falou que num pode?
Kerry Washington optou por um Versace texturizado enquanto Sofia Vergara investiu em Mark Zunino.

Adorei que esse ano foi um show de looks brancos, mas de certa forma, ao menos pra mim, um pouco diferentes de como vemos sempre, achei um pouco mais divertidos ou até mesmo elegante. Kate Beckinsale estava simplesmente diva nesse Romona Keveza, com jóias Lorraine Schwartz, enquanto Emma Roberts, nossa intérprete de patricinha psicopata favorita (Scream Queens <3) foi de Yanina Couture, sapatos Dsquared2 e jóias Martin Katz.
Sobre a lindíssima Jessica Alba, vou soltar: não gostei. Não que o vestido não estava bonito, estava sim, ela tem um bom gosto imenso ou então uma ótima stylist e sempre sabe o que usar; mas considerando que esse evento é um dos maiores do ano, eu esperava muito mais. Achei com cara de tapete vermelho mediano, sei lá, achei bem indigno de Oscar, sorry, falei. Mas ela foi de Roberto Cavalli e sapatos Brian Atwood.
Já a maravilhosona Mother of Dragons, First of her name, Queen of the seven kingdoms, Emilia Clarke estava uma completa PRINCESA nesse Miu Miu, sério, ficou no meu top 5 da noite, queria roubar e botar numa caixinha para olhar quando estiver triste (não sou psicopata, eu juro!).

AS DAMAS DE PRETO! Pronto, chegou na minha parte favorita. Porque? Porque eu adorei praticamente todos os looks de preto. Alguns foram bem escandalosos e outros até meio bola fora, mas de alguma forma, para mim, todos caíram muito bem nos corpos e nas personalidades.
Você é uma modelo da Victoria Secrets, casada com um rockstar, poderosa e maravilhosa, então, miga, faz como Lily Aldridge e dá tapa na cara da sociedade também, arrasando em um Alexandre Vauthier. Ou então você vai moderna e sexy como Jennifer Lawrence, também sambando na cara de todos nós, em uma saia e cropped Alexander Wang (OLHA ELAAAA, NÃO USOU DIOR!) e sapatos Louboutin (BAPHÔNICOS!) e clutch Alexander Wang também. Ah, e jóias Anita Ko, tá, meu bem?
Se tem corpo de diva, vai como Emily Ratajkowski de Stephen Khalil e sapatos Brian Atwood com clutch Tyler Alexandra. Esse look tinha tudo para ficar vulgar, mas simplesmente adorei, como podem, produção? Quem pode, pode. Quem não pode…
Michelle Monaghan foi de Bill Blass vintage, sapatos Tamara Mellon e bolsa Roger Viver, de todos esses foi o que fiquei mais em dúvida se gostei ou não, mas acho que gostei, vai. Rola um 7 aí!

Taylor Swift ainda tenta nos convencer a aceitar e amar esse corte, que eu ainda não sei se é corte mesmo ou ela fez aquele penteado, mas ainda ficou estranho para mim, um pouco meio ‘Eu, Robô’, mas o vestido Alexandre Vauthier estava um bapho, realmente muito deusa, e sapatos Giuseppe Zanotti e clutch Jimmy Choo a deixaram bem mulher fatal, adorei. A carinha da noite, junto com Brie Larson, foi Alicia Vikander, que, repito, levou não apenas o Oscar, mas Michael Fassbender para casa (nunca vou deixar de ressentir isso, recalcada, eu sei), saiu de seu Louis Vuitton amarelo para entrar em um preto, lamê preto, achei bem glam, adorei. Aprovada, miga.
Vanessa Hudgens, nossa It Girl da semana passada, foi de H&M Conscious Exclusive e sapatos Pedro Garcia, bem chic mesmo. Enquanto Holland Roden, a mocinha de Teen Wolf, foi de Gomez-Garcia, e sapatos SCHULTZ (olha o Brasil aí, genteee!).

As de preto mais brilhosas, Hailee Steinfeld estava loving herself em um preto brilhante, enquanto Demi Lovato foi num Dolce & Gabbana transparente e sapatos Louboutin. Tenho o amor do mundo pela Demi, mas não gostei do look, achei que não valorizou o corpão da musa, e as mangas deixaram os braços dela maiores. Sorry, num deu.
Lorde estava bem linda com um cropped e uma saia Monique Lhulier e sapatos Jimmy Choo, nem vejo a criatura da escuridão que ela tava ano passado, aleluia, irmãs e irmãos. Ashley Greene, minha eterna Alice Cullen, compareceu à festa de Elton John, simples mas elegante em um Naeem Khan brilhante com sapatos Jimmy, jóias Bulgari e clutch Swarovski (podia ter ido sem a clutch, miga, fikdik).
E para fechar as meninas de preto, as estampadas e bordadas, né? Zooey Deschanel sempre faz a fofa, e domingo não foi diferente, até optou por sapatilhas buscando conforto, não amei, mas aposto que ela se divertiu mais que muita usuária de Manolo ou Jimmys. Ah, e ela foi de Sachin & Babi Noir e clutch Edie Parker, enquanto sua colega bordada e amiga de nome, Zoey Deutch, foi de Valentino Couture. Heidi Klum foi de Versace, que valorizou muito mais suas belas curvas alemãs do que o que ela usou no tapete vermelho do Oscar, enquanto nossa brazuca Alessandra Ambrosio foi de Balmain e usou uma clutch Salvatore Ferragamo, foi bem de deusa mesmo.

E nada mais adequado para terminar esse post do que com as estatuetas da noite, né? Brincadeirinha, gente. Mas as garotas cintilantes, prateadas e brilhantes estavam divinas. Eu sou da opinião que com prata ou dourado, go big or go home. Ou vai com tudo ou num vai mesmo. E achei esses quatro exemplos dignos de menção.
Kate Hudson ESTAVA DIVINA, sorry o capslock, mas foi necessário. Adorei tudo no look dela, ficou fashion, elegante, divertido e feminino. E ainda com cara de deusa. O vestido foi Maria Lucia Hohan e a clutch Oroton. Quanto a Olivia Munn, vamos tirar um minuto de silêncio em falecimento ao seu belíssimo rosto. O QUE ACONTECEU? Sério? Ela é linda, toda sexy e cheia de caras e bocas, mas estava parecendo a própria estátua do Oscar, gente. Pronto, surtos à parte, o look estava divino, adorei tudo nele. Bem sexy e bem elegante, Olivia Munn usou J. Mendel.
Selena Gomez não estava muito sorridente, mas linda, isso sim ela estava, seu vestido foi Louis Vuitton, sua clutch Tod’s e sapatos Jimmy Choo.
E agora chegamos a própria estatueta do Oscar: Lily Collins, que foi de anos 20, e por mais que o vestido seja muito nu, muito brilhoso, muito muito, eu a achei simplesmente deslumbrante. Achei jovem, elegante, sensual, atípico e glamouroso. A make então…Não vamos nem lá para eu não chorar diamantes aqui. O vestido é Saint Laurent, o que mais seria?

E aí? Gostaram mais do tapete vermelho ou das after parties? ADORO ESSE PERÍODO DE PREMIAÇÕES, tantos looks lindos para se admirar enquanto se está comendo sorvete, de calça de pijama estampada com ursinhos e casacão da Urban Outfitters, num é? LOL

Meu look a parte, o que vocês acharam dos delas? Qual o favorito de vocês?

Apaixonada por esse glamour, admito sim…

Bisous bisous,

Mim Plech.

♥ postado em 29, fevereiro de 2016 • sobre: eventos, famosos, looks da semana, moda
Oscars 2016 #redcarpet

Antes de tudo, temos que começar esse post LOUVANDO LEONARDO DICAPRIO, GENTE…ELE GANHOU! LOL

Depois de tantos anos, acho que era realmente o momento mais esperado da noite, até porque o prêmio maior foi bem inesperadamente para Spotlight, mas vamos ao que interessa…ROUPAS! É o tapete vermelho mais esperado e disputado do ano e eu devo dizer que não esperava gostar tanto. Nos últimos anos temos tido uns looks bem mehh, mas vamos lá conferir?

Charlize Theron não brinca em trabalho, e nem em red carpet. A musa da Dior não desapontou em um próprio da marca, decote profundo justo na parte superior, descendo em sereia em baixo. Muitas jóias, e diamante Harry Winston, tá, meu bem?

Margot Robbie está em todas desde de seu corajoso nu frontal em “O Lobo de Wall Street”, mas ontem ela chamou atenção foi pelo seu divino Tom Ford e clutch The Row, e eu amei cada pedaço. Pra mim, se você vai usar dourado, go big or go home. Tem que ser 8 ou 80, e pra mim ela foi 100. Mal posso esperar seu rostinho como a personagem da DC Comics, Harley Quinn mais tarde, esse ano.

Lady Gaga tem brincado de ser normal nos tapetes vermelhos da vida, recentemente. Vamos ignorar o Grammy, ali foi uma homenagem ao camaleão, e segundo a loiraça, seu ídolo. E ontem ela não apenas deu o ar da graça em um macacão divino Brandon Maxwell e jóias Lorraine Schwartz como fez uma apresentação emocionante com a música indicada, “Til It Happens To You”, sobre o abuso sexual contra mulheres. Apóio a luta e a apresentação foi marcante, Gaga. Well done!

Naomi Watts não envelhece, cheguei a essa conclusão. Ela ganha idade, até aparecem umas ruguinhas singelas, mas ela continua impecável. Pois pra mim, foi assim que ela estava ontem em um Armani Privé e um pescoço belamente coberto em diamantes. Seu “acessório” mais belo foi certamente seu lindo marido Liev Schreiber, mas como estamos falando de roupas…Diamonds are a girl’s best friend, e esse batom…NO PONTO! LINDA!

Julianne Moore, o que falar de Julianne Moore? Posso começar dizendo que ela tem 55 anos? 55 anos e um dos estilos mais impecáveis, mais elegância e leveza da indústria. A ruiva foi de Chanel, marca que adora e constantemente participa dos desfiles, seja em front row ou até mesmo em performances, quando convidada. Ah, e as jóias Chopard.

Alicia Vikander provavelmente ganhou o Oscar. Como assim? Eu não assisti? Não, eu assisti. Ela realmente ganhou uma estatueta, mas não apenas levou uma estatueta para casa, usou esse Louis Vuitton incrível, que a fez parecer a Bela, do clássico da Disney, a Bela e a Fera, mas também levou para casa seu namorado maravilhoso (imaginário pai dos meus futuros filhos) Michael Fassbender. Quer mais ou está bom para você? Se inveja matasse…

Cate Blanchett se une a Julianne Moore e Naomi Watts na categoria “tenho idade mas estou bem melhor que muita novinha”, e não decepcionou nada em toda glória de um Armani Privé bordado, sapatos Giuseppe Zanotti, clutch Roger Vivier e brincos e pulseiras de diamante Tiffany’s & Co. Estava divina!

Brie Larson foi a revelação da temporada, e nós não nos cansamos dela. Ela não apenas ganhou o Oscar, mas também nossos corações com sua atuação em “O Quarto de Jack”, e ganhou um top10 nas mais bem vestidas nesse Gucci azul maravilhoso e a make foi simples, mas ficou tudo bem combinado, e adorei o bocão cereja escuro.

Tem uma surpresa que eu estou preparando com uma amiga, que eu disse pra ela escolher os vestidos que ela quisesse, mas apenas pedi que ela não deixasse o Calvin Klein de Saoirse Ronan de fora, porque? Porque foi provavelmente um dos meus looks favoritos da noite. É simples, mas extravagente. Discreto, mas se destaca. Sensual, e nada vulgar. É simplesmente lindo, e a cor, ao contrário da piada rolando no twitter que ela é a sininho e só usa verde, Saoirse foi de verde para homenagear sua terra pátria, a Irlanda. Brooklyn merecia uma estatueta, vai. #chateada

Ps: Adorei os brincos de mesmo modelo e cores diferentes, mais uma referência da atriz à Irlanda. SUA FOFA. #aindachateada

A revelação de Star Wars e o Despertar da Força, Daisy Ridley foi de chapéu cabeça aos pés, toda impecável, bem barbiezinha preciosa, e eu a achei bela. Ela é magrinha e petit, então achei que o visu delicada ficou ideal.

Jennifer Lawrence não passa por um tapete vermelhor despercebida, certamente não ia começar ontem. A loirona foi de Dior (QUE SURPRESA!) e mesmo um pouco atrazilda, foi uma das últimas a passar pelos holofotes, ela estava impecável. Make bem iluminado mas simples e o cabelo apenas levemente volumoso, classe se fez presente.

Rooney Mara. Ok, vi muita gente odiando o look, e eu até concordo que a cor não a favorece, ela é bem branquinha, uma cor que a destacasse, ficaria melhor. Mas às vezes, nós, etês branquelos (eu a entendo, sou meio translúcida assim também), gostamos de usar roupas claras, e até pode ficar bem bonito. E pra mim, foi isso que aconteceu ontem, achei o look lindo. O vestido foi Givenchy Haute Couture, e esse batom escuro para mim foi tudo de bom nessa vida. Então, sorry… Adorei sim esse look, adoro ser do contra.

Depois daquilo que podemos chamar de um ano BEM difícil para Jennifer Garner, tendo até mesmo recentemente dado uma entrevista bem reveladora à Vanity Fair sobre sua vida pessoal e por passar pelos problemas, divórcio e carreira, aos olhos do público, ela soube virar o jogo e estava IMPECÁVEL ontem, em um…wait for it…VERSACE. Sim, também me surpreendi, a gente tá acostumado com Donatella Versace deixando as celebs meio nuas, mas não, o look impecável e clássico de Jen ontem foi da marca italiana, e para mim, ela foi uma das mais lindas da noite. Força na peruca, garota!

Sophie Turner, ou Sonsa Stark (HAHA, sorry), você escolhe como quer chamar, estava com o cabelo lindo, as jóias lindas, sapato impecável, make impecável, mas miga, sua loka, vamos conversar sobre esse vestido… Você não é a Rooney Mara e esse vestido te apagou, miga sua loka, tirando isso, você tá linda. Bipolar, eu sei. O vestido em si, tem a modelagem bonita, mas a cor, não me convenceu, sorry, vou ser honesta sim. De qualquer forma, Sophie usa um Galvan, sapatos Louboutin e jóias Tiffany’s & Co. PS: o vestido é, ao menos, feito de tecidos bio sustentáveis, e achei legal Sophie levar a causa para o Oscar.

Tinha uma mamãe linda no meio do tapete vermelho. No meio do tapete vermelho tinha uma mamãe linda. E foi Emily Blunt, toda graciosa e gravidona em um Prada rosa pastel com bordados, jóias Niwaka e sapatos Sophia Webster e clutch Judith Leiber. Linda, num tava? Awww…

Ela é impecável, isso ninguém pode negar. E é por isso que ninguém espera nada menos do que impecável de Rachel McAdams, que não decepcionou ontem, pelo contrário, impressionou com direito até a cauda e fenda profunda em seu August Getty, com sapatos Stuart Weitzman e jóias Niwaka. Covardia essa beleza toda, acho egoísmo.

Priyanka Chopra foi de Zuhair Murad com a missão de ser linda e divina, se divertir e acabar com a nossa auto estima. MISSÃO CUMPRIDA. Ela estava deslumbrante em seu Murad, sapatos Monique Lhulier, clutch Rauwolf e jóias Lorraine Schwartz.

Tiveram outros looks, mas eu trouxe apenas aqueles que eu achei mais WOW, sabe? Estava acompanho o red carpet pela E!, quem viu meu snap (mimplech) ontem, bem miga sua loka, e eu tava surtando na batatinha nesses looks. Tem mais post do Oscar vindo aí, ainda vamos ter looks das after parties e uma surpresa especial pra vocês!

E aí, o que vocês acharam do tapete vermelho do Oscar 2016? Bem melhor que 2015, né? Esse ano PROMETE!

ADOREI!

Xoxo,

Mim Plech.

LAYOUT DESENVOLVIDO POR CHERRY DESIGN • TODOS OS DIREITOS RESERVADOS AO SITE MIMIQUICES | 2016
Scroll To Top Array ( [marginTop] => 100 [pageURL] => [page] => [width] => 292 [height] => 300 [alignment] => left [color_scheme] => light [header] => header [footer] => footer [border] => true [scrollbar] => scrollbar [linkcolor] => #2EA2CC )
Please Fill Out The TW Feeds Slider Configuration First