♥ postado em 23, setembro de 2014 • sobre: comportamento, indicando, inspiração, papo de amigas, textos, wishlist

33 Formas de continuar criativa

Esses dias eu estive meio afogada em mil coisas para fazer, digamos até, meio sufocada nas minhas obrigações. Sabe quando você precisa de um tempo para respirar, porque parece que você não tem criatividade o suficiente no seu corpo para escrever nada, quando eu achei essa lista no site da ilustradora Sarah Hankinson.

33 formas de se manter criativa.

1. Faça listas! 
O bizarro é que eu realmente adoro fazer listas, tenho tipo umas oito listas inacabadas em qualquer caderno meu!

2. Leve um caderno com você para todo canto que você for
Eu sempre levo, e sabe como minha família me chama? ESQUISITA! Oh well, their bad, agora eu estou fazendo o que eu amo e isso só me ajuda! Não sou esquisita, sou criativa :DDDD HAHAH :’

3. Tente escrita livre
É gostoso e faz você botar pra fora as coisas que até você não sabe que tem na cabeça. Quando você pega uma caneta e escreve o que sua boca não fala, a sensação é de um desabafo para si mesma.

4. Fuja do computador! 
Não seremos hipócritas, o computador é delicioso, e eu o uso 99% do meu tempo que não estou dormindo ou na faculdade, mas às vezes, você precisa sair do mundo virtual e aproveitar um pouco do ar livre e das experiências do cotidiano para ser mais você e arranjar hobbies e outras coisas.

5. Seja de outro mundo 
Seja de outro mundo, que conselho bizarro, hein? Mas na verdade, ao meu ver, você precisa de um momento só seu, você, seus pensamentos e suas “loucuras”, nada é mais saudável do que isso. Você precisa se conhecer e saber seus gostos, e isso vai ficar meio difícil de ser feito quando você está preocupado em agradar os outros. Não esqueça de tirar um tempo só para você, suas músicas e pensamentos!

6. Pare de se colocar para baixo 
Se você não se valoriza, quem vai te valorizar? Você precisa ter mais fé em você mesma, aproveitar suas qualidades e trabalhar nos seus defeitos, você não é a única pessoa do mundo com defeitos, não seja tão dura consigo mesma.

7. Descanse.
Você precisa de um momento relaxante; onde você consiga pensar, ouvir o que às vezes estamos muito distraídas no cotidiano para prestar atenção.

8. Cante no chuveiro. 
Tem coisa mais gostosa do que dançar e cantar no chuveiro? Toda aquela platéia lá, te aplaudindo, ou até o tal ex que você está esnobando com sua INCRÍVEL VOZ – sim, tudo isso acontece mentalmente, não se preocupe -, chuveiro e música: uma combinação que faz bem para a alma!

9. Tome café/chá Os ingleses tem a tradição do chá das cinco, só que, além de apenas tomar chá, é um momento que você pára, conversa, aproveita o momento. O que você gosta? Chá de erva doce? Frappuccino? Café? Vai no Starbucks, ou na casa do seu amigo, ou até na sua casa, e toma sua bebidinha, pois não há nada mais aconchegante do que uma bebida quente com amigos enquanto vocês colocam os assuntos em dia.

10. Conheça suas origens 
Meu sonho é voltar para Londres, construir uma vida lá e virar uma grande profissional! Mas eu nunca vou deixar de ser a garota que tomava Tampico a caminho da Praça do Skate com a avó e as duas primas para brincar nos balanços e subir e descer a “montanha”. Sonhos são precisos para vivermos, mas lembrar de onde viemos e quem somos é ainda mais importante; Tudo que você é hoje, é consequência de vários momentos entrelaçados que você já passou, não esqueça deles, alguns te farão rir, outros chorar, mas todos fizeram quem você é e te ajudaram a ver quem você quer e pode ser.

11. Ouça músicas novas.
Eu tenho uma humilde opinião que a música é um remédio pra alma, e mexe com o nosso humor de formas que poucas coisas podem, então, da mesma forma que conhecer pessoas novas é empolgante e muito legal, também é assim conhecer músicas novas! Descubra novos tons, novas culturas, novas vozes, vai ser bem refrescante!

12. Esteja aberta. 
Esteja disposta a sair da sua zona de conforto, a conhecer mais o mundo, a se entregar a ele. Algumas das melhores decisões que tomamos são as mais difíceis, então se você se manter aberta para o que a vida te trará, quem sabe as coisas boas que você encontrará em seu caminho?

13. Esteja arrodeada de pessoas criativas.
Uma das melhores coisas do meu curso não é apenas tudo que meus professores me passam, mas o ambiente em que estudamos todos os dias, cheio de pessoas diferentes e cada uma delas com uma grande riqueza criativa, nós trocamos ideias e conceitos o tempo todo, e acho que nunca estive mais inspirada do que agora. Estar arrodeada de pessoas criativas te faz ainda melhor, busque pessoas que te inspirem e desafiem a aprender sempre mais.

14. Busque feedback.
Não ligar para o que os outros falam é uma coisa, não se importar com feedback é outra; o feedback vai vir de quem buscou o seu trabalho, de quem entende do assunto, de uma pessoa que vai te aconselhar a fazer algo diferente, ou até a continuar fazendo da forma como você começou, mas o feedback é uma forma de crítica que só tende a melhorar o seu trabalho, então engole o orgulho e busque sempre conhecer seus erros e fortes para melhorá-los sempre.

15. Colabore com outros.
Da mesma forma como se manter perto de pessoas criativas é algo bom, trabalhar com elas é algo melhor ainda. No brainstorming, no trabalho da criação, vocês discutirão ideias e trocarão valores, isso é algo que só te fará melhor. Tem algum trabalho legal? Porque você não chama alguém que também se interessa pela mesma coisa e pode acrescentar algo legal ao seu projeto? É muito bom!

16. NÃO DESISTA!
Você não verá o arco-íris sem aguentar uma chuvinha, tenho certeza que você já ouviu isso em algum lugar. Mas é cientificamente provado ser verdade. O arco-íris é uma consequência da chuva, e a vitória é uma consequência da insistência. Os maiores desafios nos trazem as maiores vitórias, e os maiores erros, os maiores aprendizados. Não desista do que você quer, se você conseguir, você alcançou, se não conseguir, você aprendeu; de certa forma, você tem a ganhar.

17. PRATIQUE, PRATIQUE, PRATIQUE. 
Sim, “prática leva a perfeição”! Eu não acredito em perfeição, é um conceito muito individual para ser válido em um lugar com quase oito bilhões de pessoas dentro e cada uma com um senso de estética diferente, mas sabe o que eu acredito? Que não há nada que você não consiga fazer se você colocar todo seu coração, corpo e alma e treinar, praticar e se esforçar o máximo que você puder. Eu aprendi a costurar, desenhar um croquis, escrever poesia, e quando eu nasci, eu não sabia nem falar. Aí você diz “Yasmim, todo mundo aprende a falar”, pois é, porque todo mundo passou meses balbuciando até conseguir pronunciar aquele “mama” ou “papa”. Desde que nascemos praticamos, porque depois de grande devemos desistir disso? Você saiu de um bebê a uma pessoa que fala, pensa e é, isso é uma vitória, o resto vem com o tempo e esforço!

18. Permita você mesma a cometer erros. 
Se um dia você aprendeu algo, é porque primeiro você errou, ou viu alguém errar até saber fazer aquilo, assim é a vida. Certas coisas aprendemos com nossos erros, outras, com os erros de pessoas ao nosso redor; mas seja com quem quer que for que aprendemos, erros são necessários para acertarmos algo, então não seja tão dura consigo mesma, se permita errar. Grandes criações já saíram de grandes e pequenos erros.

19. Conheça novos lugares.
A sensação de entrar em um lugar que você nunca foi antes, de conhecer uma paisagem ou sentir um cheiro que você nunca sentiu, é algo maravilhoso. Faz de você mais criativa, pois conhecendo mais, você sabe mais e cria mais, e nada renova a alma tanto quanto uma boa viagem! Experimente!

20. Assista filmes estrangeiros.
Eu tenho que confessar que nunca fui muito fã da França, além de sua história, mas decidi dar uma chance a seu idioma, filmes e pessoas após voltar de uma viagem a Paris, e não é que eu me apaixonei? Pelo sotaque, e principalmente pela forma de pensar e agir francesa, tudo parece mais básico e simples para eles, e eu não descobri tudo isso em três dias conhecendo o Palácio de Versailles ou o Louvre, eu descobri tudo isso assistindo Amélie Poulain, Amor ou Consequência, A Vida de Outra Mulher, Paris-Manhattan, Como Arrasar Um Coração, Amor Por Contrato, e vários outros longas franceses que eu instantaneamente me apaixonei. Eu sei que você não é grande conhecedora da cultura dos outros apenas por comédias românticas e dramas, mas mesmo assim, te inspira e te dá um insight na cultura deles, e isso é algo sempre muito importante.

21. Agradeça as suas bençãos.
Não importa quantas boas aconteçam, ou se você vai se tornar conhecida, famosa, uma grande personalidade, você um dia foi tão pequeno quanto o próximo, e seu esforço, a vida e Deus te levou até onde você chegou, então seja grata por tudo que você tem!

22. Descanse bastante.
Mente cansada não produz, se você precisa criar, precisa ter seus pensamentos organizados, um momento de relaxamento para entrar um pouco no seu mundo imaginário, e você não vai fazer isso com o cerébro estourando de tanta cafeína no seu corpo. Uma boa noite de sono, um programa leve, um descanso de 40 minutos após o almoço, tudo isso parece “perda” de tempo, mas na verdade, na hora de criar, vai fazer toda a diferença.

23. BREAK THE RULES!
Grande parte das melhores invenções da humanidade foram criadas a partir de um “NÃO”, “IMPOSSÍVEL”, “NÃO PODE”. O que são as regras além de limites que o homem impõe a si mesmo? Seja mais corajosa, quebre as regras de vez em quando, você não precisa ser idêntica em aparência e comportamento àqueles ao seu redor. Contanto que não seja matar alguém e esconder no seu freezer, claro. Aí você obedece! 😉

24. Se arrisque! 
O mundo tem tanta coisa gostosa para fazer e conhecer e você aí com medo de viver! Não pode, se arrisque mais, sorria mais, brinque mais, dance mais, saia um pouco do padrão de vez em quando: nada como uma boa aventura para ativar seu lado criativo.

25. Faça mais do que te faz feliz 
O que te faz liberar seratonina? Hã? O que te faz feliz, cabeça? Faça mais do que te deixa satisfeita, saia para dançar, vá ler um bom livro, vá namorar, vá à praia, viaje, o que quer que seja que você ame fazer, faça mais. Na hora da criação, você vai render mais e vai ver o quanto que esse conselho funciona.

26. Não force nada.
As coisas acontecem em seu devido tempo, não precisa “colocar o carro na frente dos bois”, como se diz na minha terra! Tudo tem seu tempo, faça a sua parte e o que está ao seu alcance; por mais besteira que seja, uma vez que você o faz muito bem, é melhor do que você saber um pouco de cada, mas não saber o que realmente importa.

27. Leia uma página do dicionário.
Pessoas com vocabulário extensos tendem a ter um papo mais legal, sem falar que descobrir um pouco mais dos significados das palavras só tem a acrescentar a nossa área linguística criativa!

28. Crie um quadro de inspiração
Pinterest, você tem? A ideia do Pint é você criar o seu quadro de inspirações, que nada é além de uma montagem de coisas que te inspiram. Todo estilista cria antes de uma coleção, e ajuda a qualquer um a se manter focado no que você quer. Sem falar que quem não ama fazer colagem?

29. Pare de tentar ser alguém perfeito 
Perfeição é uma mentira, ou conceito distorcido da sociedade, crie seu próprio conceito. Tente não se importar demais com o que os outros dizem, se você der sempre 110% de si, isso basta. Crie seu padrão de perfeição como algo inalcançável, pois você estará sempre em crescimento, mas não surte de não chegar lá, pense que o lá não existe, e se uma pessoa pensa que já sabe tudo a ser descoberto, é porque, na verdade, ela não sabe de nada.

30. Tem uma ideia? Escreva em um papel. 
Lembra a dica de andar sempre com um caderno? É uma boa, você nunca sabe onde as ideias virão, e se elas chegarem, anote-as, nem sempre a gente lembra depois. Todos os maiores criadores, seja de músicas, filmes, poesia ou o que for, tiveram suas ideias de formas alheias e escreveram em papeis, até mesmo em cardápio (para não esquecer!), e a partir daquele pequeno papel, aquilo virou uma grande obra.

31. Arruma seu espaço de trabalho
Não sei vocês, mas toda vez que eu arrumo meu quarto, meu lugar de estudo, a cozinha, ou o que quer que seja, me sinto mais organizada, mais criativa. Parece que minha mente funciona melhor com a cama arrumada, sei lá explicar, mas gosto de trabalhar com o meu ambiente sempre limpo e organizado, me inspira mais.

32. Se divirta!
Lembre-se que você começou porque queria fazer isso, então se divirta! Às vezes nos cobramos tanto de algo que esquecemos o motivo pelo qual começamos: seja feliz, curta o seu momento criativo, aproveite todo o processo, com a realização vem a satisfação e vice versa!

33. Conclua algo.
Nada é melhor que a sensação de concluir um projeto! Experimente pequenas coisas e as conclua, vai te motivar a realizar os projetos maiores e mais trabalhosos, se um pequeno traz essa satisfação, imagina um grande!

E aí? Gostaram dos conselhos? Espero que eles ajudem!

 Bisous bisous,

Mim Plech.

 

 

 

Deixe o seu comentário!
Marisa | 21-05-2016 às 19:07 | Responder

Adorei, Mim

Yasmim | 12-07-2016 às 14:23 | Responder

Obrigada, lindona!



LAYOUT DESENVOLVIDO POR CHERRY DESIGN • TODOS OS DIREITOS RESERVADOS AO SITE MIMIQUICES | 2016
Scroll To Top Array ( [marginTop] => 100 [pageURL] => [page] => [width] => 292 [height] => 300 [alignment] => left [color_scheme] => light [header] => header [footer] => footer [border] => true [scrollbar] => scrollbar [linkcolor] => #2EA2CC )
Please Fill Out The TW Feeds Slider Configuration First